Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

# Chá Verde com Limão

Blog pessoal sobre o lado bom da vida e, por vezes, sobre o lado resiliente. Aqui partilha-se pensamentos, experiências, inspirações, dicas, ensinamentos, e todas as coisas boas que a vida nos pode oferecer!

# Chá Verde com Limão

Blog pessoal sobre o lado bom da vida e, por vezes, sobre o lado resiliente. Aqui partilha-se pensamentos, experiências, inspirações, dicas, ensinamentos, e todas as coisas boas que a vida nos pode oferecer!


31.01.18

# janeiro

por Patrícia Ribeiro

happy new year!.png

 

 

Adeus a janeiro, adeus ao primeiro mês de 2018, adeus aos dias pequeninos e às noites grandes, adeus!

 

Janeiro, obrigada por teres sido tão bom para mim. Obrigada pelas novas experiências, obrigada por teres fortalecido antigas amizades, obrigada por reencontrar a paz no meu coração, obrigada pelas novas histórias que tenho para contar, obrigada pelas novas amizades, obrigada pelas pessoas que estão sempre lá, e obrigada por aquelas que passam a lá estar.

 

Janeiro, não foste galupante, nem demorado, passaste no tempo certo de ser. Como tudo na vida, que tem o seu tempo, mas por vezes, pode passar demasiadamente rápido ou muito lentamente. Mas o que é preciso, é sabermos acelerar ou travar no tempo certo, para continuarmos a nossa viagem nos nossos tempos certos. Obrigada janeiro, por me teres trazido o tempo certo.

 

Agradeço por ter conseguido ver o lado bom na vida, o lado bom das pessoas, o lado bom do mundo, o lado bom de mim. Agradeço por ter aprendido a confiar, em mim e nos outros. Agradeço por ter paz, amor e luz na minha vida. Agradeço por partilhar a minha vida com os meus. Agradeço não perder a fé em mim. Agradeço pelos novos começos. 

 

Obrigada por ter reencontrado a dança, a liberdade, a minha essência e a calma.

 

Obrigado janeiro, por teres passado por mim de forma tão tranquila. Agora só tenho que deixar os restantes meses fluirem e coisas boas irão acontecer.

 

Obrigada janeiro!

publicado às 10:43

30.01.18

# o lado bom da vida

por Patrícia Ribeiro

Quando tudo parece perdido, quando bates no fundo do poço, quando te sentes só, quando nada bate certo, não olhes para o lado dos problemas, mas para o lado bom da vida. Eu sei que não é fácil, aliás, é uma das coisas mais difíceis de se fazer na vida, mas depois de praticares muitas vezes, verás que se torna num hábito.

 

Mesmo quando tudo está errado, acredita que das coisas menos boas, podem nascer grandes oportunidades, basta teres fé em ti, e terás uma ajuda extra, se olhares para o lado bom da vida.

 

Quando tudo está perdido, procura dentro do teu coração a felicidade, e a irás encontrar, porque esta só depende de ti. Quando bates no fundo do poço, ao tentares subi-lo, vais encontrar uma mão amiga para ajudar-te na escalada, porque temos sempre alguém ao nosso lado. Quando te sentes só, pará, respira fundo, relaxa e olha ao teu redor, irás encontrar seres maravilhosos à tua volta, porque na natureza encontramos sempre respostas. Quando nada bate certo, ouve o ritmo do teu coração, sentirás que pelo menos este segue um ritmo certo, e irás encontrar o ritmo da tua vida, mesmo que seja um que não estavas à espera, deixa-te levar.

 

Se mesmo assim não conseguires ver o lado bom da vida, pensa que pelo menos está vivo, e isso já é uma vantagem na vida. 

 

Não te distraías com os problemas, foca-te no lado bom da vida, nos teus sonhos, nas tuas pessoas e no teu caminho. Ao focares no que faz o teu coração acelerar, será mais mais fácil encontrares a felicidade e o sucesso. Acreditem em mim porque desde que comecei a focar-me no que me faz feliz, consigo sentir-me bem comigo própria, realizar sonhos e projetos, estar em paz com as minhas pessoas, encontrar novas pessoas, e seguir o meu caminho, o da felicidade de uma forma alegre e serena.

 

Foca-te no lado bom da vida e verás os teus sonhos tornarem-se realidade!

 

Foca-te no lado bom da vida e verás os teus sonho

 

publicado às 15:01

29.01.18

# confiar

por Patrícia Ribeiro

Ao longo da nossa vida, um dos verbos mais difíceis de conjugar, é o verbo confiar!

 

Pelos valores que nos são transmitidos, pelas crenças que crescem em nós, pelas voltas que a vida dá, muitas vezes, deixamos de confiar. Não só nas pessoas e no mundo, mas também em nós. No entanto, é possível voltar a confiar, basta desfazer os nós que apertam o nosso coração.

 

Eu já passei por estas dificuldades, mas com muita ajuda, consegui desfazer os nós do meu coração, e comecei a confiar novamente. Aprendi a confiar em mim, depois comecei a confiar nos meus, e por fim, comecei a confiar no mundo.

 

Hoje em dia, já consigo entregar o meu coração, e acreditar que posso confiar, em mim e nos outros.

 

Se confiarmos, vamos sentirmos melhor com os outros, vamos conseguir ver o melhor do mundo, acreditar mais em nós, e assim, iremos viver uma vida mais plena e feliz.

 

Confia, acredita, partilha e sê feliz!

 

Confia, acredita, partilha e sê feliz!.png

 

publicado às 10:55

28.01.18

# partilha

por Patrícia Ribeiro

Eu partilho

Tu partilhas 

Ele partilha

Nós partilhamos

Vós partilheis

Eles partilham

 

Conjugar o verbo # partilhar, é das formas mais simples de sermos felizes!

 

Partilhar as nossas alegrias, partilhar as nossas tristezas, partilhar as nossas dúvidas, partilhar os nossos medos, partilhar as nossas mágoas, partilhar os nossos sonhos, partilhar os nossos feitos, partilhar o nosso lado bom, partilhar a nossa essência, partilhar o nosso coração.

 

Quando partilhamos com os nossos, com as nossas pessoas, com conhecidos, com desconhecidos, com verdade, connosco próprios, estamos a dividir o que é menos bom, e a multiplicar o que é bom!

 

Quando partilhamos, percebemos que não estamos sós, que não somos os únicos a passar pelos mesmos problemas, apesar de cada um sentir as suas dores de formas diferentes. Depois de partilharmos um problema, é muito mais fácil chegarmos à resolução do mesmo, nem que seja porque o outro nos dá uma prespectiva diferente do problema ou porque tem uma ideia diferente ou, simplesmente, porque sentimos o seu apoio.

 

Se partilhamos o nosso sucesso, conseguimos inspirar os outros, ser um exemplo, multiplicar a nossa felicidade, e darmos continuidade à nossa alegria.

 

Na partilha, o mais importante, é percebemos que nunca estamos sós, por mais difícil que seja o nosso caminho, temos sempre alguém ao nosso lado, basta estarmos atentos. E se partilhares com alguém, essa pessoa, também poderá partilhar os seus problemas e alegrias contigo, o que a tornará mais feliz!

 

Partilhem, espalhem energias positivas e sejam felizes!

 

IMG_20180128_111038.png

 

publicado às 11:11

27.01.18

# Amor

por Patrícia Ribeiro

Amor, o que todos os seres humanos anseiam, para atingir a tal felicidade que tanto buscam. Quando falamos em Amor, lembramos logo do amor carnal, da paixão, do amor entre duas pessoas, o amor tipo Romeu e Julieta, ou tipo D. Pedro e D. Inês, mas existem tantos outros amores. É uma questão, de nos lembrarmos de tudo o que faz o nosso coração acelerar.

 

Existe o amor-próprio, que para mim é o mais importante, amor pelos nossos, pela nossa família, pelos nossos amigos, amor pela vida, amor por aquilo que nos faz feliz, como dançar, viajar, sorrir ou escrever.

 

Eu assumo, tenho vários amores, sou alguém que se apaixona facilmente, que quando ama, é mesmo do fundo do coração. Quando digo que gosto de alguém, ou de algo, é mesmo de verdade, e farei tudo por eles. Mas ao longo da vida, aprendi que o mais importante é gostar de mim, sentir amor-próprio, estar apaixonada por mim. Só assim, conseguirei dar o meu melhor àqueles que amo!

 

Não sei se algum dia irei encontrar a minha alma gémea, mas, sinceramente, nem sei se é isso que pretendo para a minha vida. Tenho o meu coração cheio de tanto amor, e estou tão bem assim, que sinto que não me falta mais nada para a minha vida ser perfeita.

 

Eu consigo ser a cereja no topo do meu próprio bolo! 

 

Talvez um dia encontre o meu príncipe encantado, mas por agora não é algo que me tire o sono!

 

Agora só quero amar os meus, a minha família e amigos, escrever, dançar, sorrir, viajar, aproveitar a vida e ser feliz! E claro, amar-me acima de tudo!

 

Amem-se e sejam felizes!

 

Amem-se e sejam felizes!.png

 

publicado às 07:06

26.01.18

# celebrar, uma forma de agradecimento

por Patrícia Ribeiro

Todos os motivos são bons para celebrar, e hoje, celebro o primeiro mês deste blogue. O meu maior orgulho e o meu pequeno bebé!

 

Os motivos para celebrar o nascimento do # Chá Verde com Limão, não são somente a sua criação, mas também todo o processo que me levou a criá-lo.

 

Este blogue nasceu, essencialmente, da necessidade de partilhar, comigo, com os meus e com o mundo. Mas por outro lado, ao escrever, tanta coisa sobre mim ou sobre o mundo, com base na minha visão e experiência pessoal, acabou por ajudar-me a sentir-me mais próximas das minhas pessoas, a sentir-me melhor comigo própria, sendo uma Patrícia mais real e verdadeira, e a encontrar a alegria e felicidade nas pequenas coisas da vida. E especialmente, a sentir-me realizada, dando sentido ao meu caminho, à minha vida. Por todas estas razões, por tudo de bom na minha, e também pelo menos bom, agradeço à vida!

 

Agradeço à vida pelas minhas histórias, experiências e vivências, e por esta capacidade de partilhá-las, contá-las e descrevê-las. Quando conto histórias felizes, ainda me sinto mais feliz por partilhá-las, quando são experiências menos boas, sinto-me mais leve depois de escrevê-las.

 

Obrigada à vida por todas as oportunidades. Obrigada às minhas pessoas por todo o apoio. E obrigada ao meus seguidores por acreditarem em mim! 

 

Ainda existem muitas histórias para viver e para partilhar!

 

Celebra a vida!.png

 

publicado às 15:51

25.01.18

# novos começos

por Patrícia Ribeiro

Não tenhas medo quando as linhas da vida perdem o fio à meada, não fiques paralisado quando nada bate certo, não desistas quando vais ao fundo do poço, não deixes morrer a tua essência quando te partem o coração, não morras quando quem amas parte. Acredita que tudo nesta vida tem uma razão de ser!

 

Como diz o ditado, quando uma porta se fecha, abre-se uma nova janela. Acredita nas voltas que a vida dá, apesar de algumas voltas serem mais duras do que outras, no final, percebes que estás onde deves estar.

 

Sinceramente, nunca pensei, neste momento estar onde estou, e ser feliz com tudo aquilo que tenho. Mas também nunca pensei que teria de sofrer tanto para aqui chegar, mas se este blogue nasceu dessas voltas complicadas, que a minha vida me obrigou a dar, estou imensamente agradecida!

 

Porque, quando, tens de desistir de algo, de alguém ou de um sonho, nascem novas oportunidades. Basta estares atento e manteres a fé em ti, porque irás encontrar novas janelas abertas, buracos na parede, ou até pequenas fechaduras. E quando menos esperas, tens à tua frente, novos começos ou recomeços!

 

Permite-te falhar, desistir, deitar a toalha ao chão, sentir vontade de fugir. Mas depois, pará, fecha os olhos, respira fundo, e pensa nas armas que tens à tua volta. E volta a abrir os olhos, e verás imensas oportunidades. Só precisas de saber aproveitá-las.

 

Não fiques tristes por finais infelizes, por histórias menos boas ou por pessoas que te desiludiram. Porque graças a eles, irás encontrar começos felizes, histórias boas e pessoas fantásticas. 

 

Agradeço à vida, por cada nova amizade que nasceu do sofrimento, por cada aventura que nasceu da vontade de encontrar-me, por cada experiência que aproximou-me dos meus, por cada lágrima que regou o meu coração.

 

Acredita nos novos começos, recomeça sempre que for preciso, e busca o caminho da felicidade, e não o que leva à felicidade.

 

Acredita nos novos começos, recomeça sempre que

 

publicado às 11:37

Pág. 1/5

Nascida em 1988, sou uma sonhadora, uma apaixonada pela vida e uma crente no Amor. Gosto de chá verde com limão, café, chocolate, dançar, ler, viajar, conhecer o mundo, fotografar, e de sorrir. A minha cor é o verde alface. Só quero uma vida com paixão, paz, alegria e amor!

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.